Síria: Bispos consolam cristãos em meio à dor

A população da cidade de Alepo, localizada ao norte da Síria, é uma das que mais sofre pelos bombardeios causados pelo enfrentamento entre o exército sírio e os rebeldes. Em meio desta situação, os bispos locais publicaram um comunicado para consolar e dar esperança aos habitantes, especialmente aos cristãos.

siri“Não deixemos que o medo e o desespero nos vençam. Nós somos os filhos da ressurreição e da esperança, nós acreditamos que estas dores não são em vão (…) seguindo o exemplo dos Santos e mártires, entramos em comunhão com o sofrimento de Jesus para que sejam salvos, Santos e santificados pela paz na Síria e pela salvação de nossa cidade”, expressaram.

A cidade de Alepo foi bombardeada desde o dia 22 de abril. No último dia 5 de maio fizeram um acordo de um cesse de 48 horas entre os rebeldes e o exército sírio. Estes enfrentamentos deixaram cerca de 280 mortos, entre eles há mulheres e crianças.

Do mesmo modo, segundo informou CNN, algumas bombas caíram sobre as poucas instituições de saúde que funcionam na cidade como um hospital de maternidade, um hospital de Médicos Sem Fronteiras e um hospital pediátrico, no qual morreu supostamente o último pediatra que morava na cidade.

Também perderam o único armazém de materiais médicos e muitos bairros foram afetados.

Por outro lado, durante um evento organizado pela Ajuda à Igreja que Sofre da Itália, em homenagem aos mártires no Oriente Médio, Dom Antoine Audo, Bispo caldeu (católico) de Alepo, disse: “estamos vivendo o final de uma Igreja e de uma tradição cristã” presente na região há dois milênios.

“As bombas caem indiscriminadamente e deixam muitas vítimas, muitos feridos. Não há trabalho, não há eletricidade, a vida é muito cara e o número de igrejas diminui drasticamente”, indicou Mons. Audo.

Ante esta dramática situação, os bispos de Alepo lançaram um “grito às consciências daqueles que planejam e executam esta guerra”:

“Pelo amor de Deus, chega! Por misericórdia dos homens, chega! Pelo sangue das crianças e dos mártires que choram a Deus, chega! Pelas mães que estão de luto, chega! Pelas dores dos feridos e pelos deslocados, chega! Pelos que já não podem alimentar mais os seus filhos, chega! ”, clamaram.

Por outro lado, pediram as orações de todos os fiéis pelo mês da Virgem Maria.

Acrescentaram que junto aos “nossos filhos bem-amados renovaremos a consagração da nossa cidade de Aleppo à Virgem porque “ela pediu em suas aparições em Fátima a consagração do mundo ao seu Imaculado Coração para obter a paz”.

“Suplicamos a intercessão da Virgem Maria ‘Rainha da Paz’ a fim de que acolha sob sua proteção a Síria e a nossa cidade de Aleppo”, concluíram.

Acidigital

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: