Por que rezar todos os dias o Pai Nosso? O Papa responde no Ângelus

Papa_não tenham medo de tocar o pobre e excluído 22.06.16

Foto: Reprodução CTV

No último Ângelus de julho antes de iniciar a Jornada Mundial da Juventude em Cracóvia, o Papa Francisco explicou a importância de chamar Deus de Pai e rezar todos os dias confiando nele.

Explicou que o Evangelho mostra Jesus que reza o Pai Nosso, uma oração que começa com a palavra “Pai”. “Esta palavra é o ‘segredo’ da oração de Jesus, é a chave que Ele mesmo nos dá para que também nós possamos entrar naquela relação de diálogo íntimo com o Pai, que acompanhou e amparou em toda sua vida”.

Francisco afirmou que “a oração de Jesus é a oração cristã é, antes de tudo, abrir espaço para Deus, deixando manifestar a sua santidade em nós e fazendo avançar o seu reino a partir da possibilidade de exercer o seu senhorio de amor em nossas vidas”.

O Papa recordou que no Pai Nosso também se pede pelo pão, o perdão e a ajuda nas tentações. “O pão que Jesus nos faz pedir não é o necessário, não o supérfluo; é o pão dos peregrinos, um pão que não se acumula e não se desperdiça, que não dificulta a nossa caminhada”.

“O perdão é, antes de tudo, aquele que nós mesmos recebemos de Deus: somente a consciência de sermos pecadores perdoados pela infinita misericórdia divina pode nos tornar capazes de realizar gestos concretos de reconciliação fraterna”.

Por último, “não cair em tentação” expressa “a consciência da nossa condição, sempre expostos às armadilhas do mal e da corrupção”.

No Evangelho do dia também há duas parábolas que “nos ensinam a ter plena confiança em Deus, que é Pai”. “Ele conhece melhor do que nós mesmos as nossas necessidades. Mas, quer que nós as apresentemos com audácia e insistência, porque esta é o nosso modo de participar da sua obra da salvação”, acrescentou.

O Papa explicou que “a oração é o primeiro e principal ‘instrumento de trabalho’ em nossas mãos”. “Insistir com Deus não serve para convencê-lo, mas para fortalecer a nossa fé e a nossa paciência, ou seja, a nossa capacidade de lutar juntos com Deus pelas coisas realmente importantes e necessárias”.

Francisco também destacou a importância do Espírito Santo e afirmou que serve “para viver bem, para viver com sabedoria e amor, fazendo a vontade de Deus”.

Acidigital

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: