Como ajudar alguém que luta contra a depressão?

A principal ajuda a uma pessoa que sofre de depressão deve vir da família. O carinho à pessoa será fundamental, e especialmente a presença das pessoas amadas.

Estar junto da pessoa deprimida já é uma boa ajuda, mesmo que não se saiba exatamente o que fazer para ajudá-la.

Normalmente esta pessoa está centrada em si mesma, vendo apenas os seus problemas. Sem alimentar a sua autopiedade, procure compreendê-la da maneira que for possível, sem julgá-la, condená-la ou culpá-la por estar deprimida.

Aos poucos vá lançando esperança em seu coração. Mostre-lhe que é possível sair desta situação se ela quiser, se não “entregar os pontos”. Procure mostrar a ela as muitas coisas boas que pode fazer por si mesma, pela família e pelos outros, gratuitamente.

Não discuta com a pessoa e nem imponha a sua fé porque a pessoa pode se ressentir por causa da sua fraqueza. Leve-a lentamente a colocar os seus problemas, a tristeza, etc., nas mãos de Deus.

Tão logo ela esteja preparada e aceite, comece a rezar com ela. Ponha as suas mãos carinhosamente sobre ela e comece a pedir que o Espírito Santo venha ao seu corpo, à sua alma e sobre a sua mente, tocando o seu ser, mudando os seus pensamentos e a sua maneira de ver a vida.

Deixe que Jesus o guie pelo Espírito Santo e vá rezando pela pessoa, sem preocupação. Deixe Jesus agir, seja apenas um instrumento seu nesta hora.

Sinta que tipo de oração a pessoa mais aceita e mais lhe faz bem; você pode usar a Bíblia, rezar um ou mais Salmos, meditar com a pessoa uma página do Evangelho, e sobretudo mostrar-lhe o amor de Deus nas palavras e atos de Jesus. Leve-a a ler a Bíblia.

Aos poucos vá tirando a pessoa de dentro de si mesma. Faça-a ver e ouvir os problemas dos outros e perceber que muitas vezes são maiores do que os seus. Leve-a a ajudar alguém de forma concreta e continuada. Ajude-a a fazer um programa de assistência a alguém que sofre ou a alguma instituição de caridade.

É recomendado também levar a pessoa a fazer alguma atividade física, uma boa caminhada, um passeio de bicicleta, ginástica, etc., todos os dias, especialmente nos horários em que a depressão é mais dura. Isto desintoxica a pessoa.

Ajude-a a eliminar os sentimentos negativos e pessimistas. Ela precisa começar a lançar na sua mente, pela imaginação saudável, bons pensamentos.

A mente da pessoa deprimida precisa ser alimentada com bons pensamentos. Então, leve-a a ler algum livro bom, que aumente a sua autoestima, mostre-lhe o amor de Deus, o seu valor como pessoa humana. Talvez possa ser o livro “A Luta Contra a Depressão“, e outros.

Aos poucos faça-a voltar para as suas atividades profissionais ou domésticas. Se é uma mãe, incentive-a a cuidar bem dos filhos, do esposo, e da casa. Faça-a ver que isto é importante para os outros e fundamental para a sua recuperação. Vá aos poucos, na medida que a pessoa tem condições de responder.

Não tente ser muito alegre ou muito otimista com quem está deprimido; isto pode lhe parecer “um teatro” de sua parte. São Paulo manda “chorar com os que choram e alegrar com os que se alegram”.

A pessoa deprimida pode se irritar com qualquer comportamento exagerado, mesmo que bem intencionado. Vá sempre devagar, avançando aos poucos, respeitando a pessoa, com gentileza e delicadeza.

Não deixe a pessoa deprimida tomar qualquer decisão importante para a sua vida ou para a sua família durante este período; ela não está em condições de decidir bem.

Oriente também a pessoa a buscar um tratamento médico e psicológico, especialmente nos casos mais agudos de depressão, especialmente quando há ideias de suicídio. E não a faça deixar de tomar os medicamentos que o médico receitou.

Em alguns casos de depressão será necessário um prolongado tratamento médico. Os medicamentos com fluoxetina aumentam a serotonina e ajudam a vencer a depressão. Siga o médico e não deixe de rezar.

Retirado do livro: A Luta Contra a Depressão. Prof. Felipe Aquino. Ed. Cléofas.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: