Imagem de Nossa Senhora de Fátima será enviada ao Iraque

Junto à imagem, serão enviados donativos para o Iraque

aaaa

Celebração durante a qual foi abençoada a imagem de Nossa Senhora de Fátima para ser enviada ao Iraque / Foto: AIS

O patriarca de Lisboa, Cardeal Manuel Clemente, presidiu neste domingo, 19, a Missa que reuniu milhares de pessoas no Hipódromo de Cascais, em Portugal, durante a qual foi abençoada uma imagem de Nossa Senhora de Fátima que vai ser enviada para o Iraque.

Para Dom Manuel, esta celebração representou um sinal de unidade dos cristãos portugueses para com os cristãos perseguidos no Iraque. “Participemos nesta ação sagrada recordando e rezando por todos os nossos irmãos perseguidos particularmente os do Iraque, para onde esta imagem será enviada, juntamente com os terços e dezenas que as nossas crianças fizeram”, disse o presidente da Conferência Episcopal Portuguesa.

Antes do início da cerimônia, o patriarca de Lisboa sublinhou a importância do envio da imagem de Nossa Senhora de Fátima para o Iraque, “pois Maria é Mãe da Igreja tanto em Cascais como em Erbil”. “Por isso, a imagem de Nossa Senhora representa que a Igreja está onde está Maria e Maria está onde é preciso”, acrescentou.

A Diocese de Erbil acolheu milhares de cristãos que foram forçados a fugir das suas casas na ofensiva jihadista no Iraque, em agosto de 2014.

O envolvimento da Paróquia de Cascais com a diocese liga-se a uma campanha da Fundação Ajuda à Igreja que Sofre (AIS) em favor da Clínica de São José, situada nesta cidade do Curdistão Iraquiano.

“Esta clínica permite o auxílio a cerca de 2800 pessoas que tiveram de fugir da Planície de Nínive nesse fatídico verão de 2014”, assinala a AIS em comunicado.

Os donativos recolhidos durante a Missa vão somar-se ao montante que vai ser entregue pela AIS em apoio à Clínica de São José, campanha que mereceu, em 2016, um contributo pessoal do Papa Francisco.

Dom Manuel Clemente, a adesão da Vigararia de Cascais à campanha da Fundação AIS em favor da Clínica de São José em Erbil é sinal da vitalidade e da solidariedade da própria Igreja. “Igreja é isto: estarmos todos em torno de Jesus Cristo e onde Jesus Cristo nos solicita, que é a necessidade dos irmãos. E isso é o mais conveniente e oportuno que pode ser”, realçou.

Canção Nova

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: