Confiai-lhe todas as vossas preocupações

A palavra ‘preocupação’ tem origem do latim ‘praeoccupatio, -onis’, que quer dizer ocupação prévia, ou seja, aquele que se preocupa emprega seu tempo inquietando-se com alguma coisa. Geralmente, a preocupação é associada a algum medo ou receio, pois a pessoa ocupa-se antecipadamente com algum temor, mas a palavra do Senhor nos diz:

“Confiai-lhe todas as vossas preocupações, porque ele tem cuidado de vós” (I Pd 5, 7).

preocAtualmente muitas pessoas vivem mergulhadas em preocupações. Têm medo de não atingir algum objetivo, têm medo de não conseguir honrar seus compromissos, têm medo do resultado de um exame, de uma prova, de sofrer algum acidente, enfim… As pessoas preocupam-se antecipadamente e esquecem-se do cuidado que Deus tem por nós. É necessário que o cristão perceba que a preocupação desvia o nosso olhar de Deus, pois aquele que se pré-ocupa com algo se inquieta e não consegue discernir bem as coisas ao seu redor.

Infelizmente a preocupação exagerada termina sendo uma cilada do inimigo, que nos impede de enxergar o grande amor que Deus tem por cada um nós.

“ Sede sóbrios e vigiai. Vosso adversário, o demônio, anda ao redor de vós como o leão que ruge, buscando a quem devorar.

Resisti-lhe fortes na fé. Vós sabeis que os vossos irmãos, que estão espalhados pelo mundo, sofrem os mesmos padecimentos que vós.00

O Deus de toda graça, que vos chamou em Cristo à sua eterna glória, depois que tiverdes padecido um pouco, vos aperfeiçoará, vos tornará inabaláveis, vos fortificará”. (I Pd 5, 8-10)

É interessante como Pedro associou a preocupação como uma ação do mal, no entanto aponta o meio eficaz para combatê-la: a confiança. Precisamos confiar em Deus em todas as situações, principalmente quando temos muitas preocupações. Devemos confiá-las ao Senhor, que cuida de seus amados filhos. Assim como os primeiros cristãos também passamos por muitos padecimentos, cada um nas suas particularidades, mas isso não pode nos afastar de Deus, do contrário deve nos fortalecer e nos aperfeiçoar.

Há quem pense que a vida estressada e cheia de preocupações é fruto dos tempos atuais, mas não! Desde o princípio o homem vive cercado de receios, mas o próprio Jesus advertiu:

 “Portanto, eis que vos digo: não vos preocupeis por vossa vida, pelo que comereis, nem por vosso corpo, pelo que vestireis. A vida não é mais do que o alimento e o corpo não é mais que as vestes?

Olhai as aves do céu: não semeiam nem ceifam, nem recolhem nos celeiros e vosso Pai celeste as alimenta. Não valeis vós muito mais que elas?” (Mt 6, 25-26)

Imaginemos que naquela época os homens tinham muitos motivos para angustiarem-se, pois não havia empregos estáveis, previdência social, seguros, enfim era realmente necessário confiar na graça de Deus, assim como as aves, que mesmo sem celeiros encontram alimentos e desfrutam do cuidado de Deus.

Deste modo, somos convidados a confiar ainda mais em Deus, deixando que ele cuide de nós. Muitos de nós não temos deixado que isso aconteça, mas o Senhor nos ama incondicionalmente e está sempre ao nosso lado em todas as circunstâncias.

 Macileide Passos Alves

(Missionária – Comunidade Mãe Imaculada)

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: